Em 13 de julho de 2022 por Comunicação / Prefeitura Municipal de Itaboraí

Itaboraí mantém baixa em casos de dengue

dengue 8A Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) segue realizando todos os esforços para manter a cidade com índices de infestação do Aedes aegypti baixo ou nulos. Para isso, todos os Agentes de Combate às Endemias estão empenhados.

De acordo com o último Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa), realizado na última semana do mês de junho, Itaboraí registrou 1,4% de infestação. Neste ano, no município, três pessoas testaram positivo para chikungunya e uma para dengue.

O diretor do Departamento de Vigilância de Vetores e Zoonoses, Adriano de Paula Pereira, explica os procedimentos realizados em caso de notificação suspeita de Arboviroses (dengue, zika, chikungunya e outras).

“Quando temos casos suspeitos, nós vamos a residência do paciente notificado e realizamos um raio de ação de 300 metros no entorno daquela residência, procurando focos e realizando a coleta de larvas. As amostras coletadas são enviadas para o laboratório entomológico do Departamento de Vigilância de Vetores e Zoonoses, para identificação do vetor”, explicou Adriano.

Com o LIRAa, também é possível identificar áreas da cidade com maior proporção/ocorrência de focos do mosquito e os criadouros predominantes, permitindo conhecer a distribuição do vetor. Na cidade, os depósitos de água a nível do solo (galões, barris, caixas d’água a nível de solo, entre outros) e o lixo são os locais onde mais foram localizados focos.

dengue 3A partir desta informação, os agentes realizam um trabalho minucioso e concentrado nas áreas de maior índice, criando um cerco de bloqueio, eliminação de potenciais criadouros, juntamente com um trabalho educativo e de conscientização da população.

Para impedir a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya, ações simples podem acabar com os focos do mosquito:

• Mantenha bem tampados: caixas, tonéis e barris de água.
• Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira sempre bem fechada.
• Não jogue lixo em terrenos baldios.
• Guarde as garrafas vazias sempre de cabeça para baixo e de preferência em local coberto.
• Encha os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda.
• Se for guardar pneus velhos em casa, retire toda a água e mantenha-os em locais cobertos, protegidos da chuva.
• Limpe constantemente as calhas, remova tudo que possa impedir a passagem da água, a laje e a piscina de sua casa.
• Evite ter bromélias em casa. Mantendo-as, é indispensável tratá-las com água sanitária na proporção de uma colher de sopa para um litro de água, regando, no mínimo, duas vezes por semana. Tire sempre a água acumulada nas folhas.

Em caso de sintomas como febre, dores no corpo, mal estar, falta de apetite, manchas vermelhas no corpo, procure o serviço de Saúde mais próximo de sua residência.

 

Secretaria Municipal de Comunicação 

LEIA MAIS EM PMI





  • Portal Oficial da Prefeitura Municipal de Itaboraí
    Praça Marechal Floriano Peixoto, 97 - Centro, Itaboraí - RJ, 24800-165
    Fale Conosco: comunicacao@itaborai.rj.gov.br
    ©2022 - Desenvolvido por Secretaria Municipal de Fazenda e Tecnologia / SEMFAT